Eventos /  Apresentação artística la la-ticket green  /  Artes Cênicas

LALANGUE: CARTA À MÃE, da Cia. de Dança Palácio das artes

Descrição

Como encerramento da programação da segunda edição Encontros com a Cia. de Dança Palácio das Artes, o Grande Teatro Cemig Palácio das artes recebe duas apresentações do espetáculo lalangue: carta à mãe, que o público poderá conferir de dentro do palco. Com direção de Morena Nascimento, a coreografia é uma construção colaborativa dos bailarinos que propõe um olhar para o feminino como tema central da criação. A entrada é gratuita, e a distribuição dos ingressos ocorre uma hora antes do espetáculo, no Balcão de Informações do Palácio das Artes. Ao todo, serão distribuídos duzentos ingressos para cada dia de apresentação. Esse evento possui correalização da Appa – Arte e Cultura. Desde o dia nove de dezembro, o corpo artístico da Fundação Clóvis Salgado ofereceu aulas abertas, palestras e workshops voltados para a rotina dos artistas que integram a companhia, com o objetivo de propor um diálogo mais aberto entre bailarinos e público. Como resultado desses encontros, o espetáculo lalangue: carta à mãe foi escolhido para exemplificar todo o processo de criação e de preparação que envolvem a rotina dos bailarinos. “Muitas das atividades desenvolvidas durante a série Encontros com a Cia. de Dança Palácio das Artes foram baseadas nas coreografias do espetáculo. Isso possibilita que o público participante e compreenda ainda mais o universo do espetáculo, além de, claro, ser mais uma oportunidade para prestigiar uma das montagens mais aclamadas da companhia”, ressalta o diretor artístico da CDPA, Cristiano Reis.

O espetáculo lalangue: carta à mãe entrou para o repertório da Cia. em agosto de 2018. Em 2019, o espetáculo integrou a programação da 45ª Campanha de Popularização Teatro & Dança e da primeira edição dos Encontros com a Cia. De Dança. Entre a delicadeza e a força, o espetáculo celebra os diferentes manifestos e foca, principalmente, no feminino que habita em cada um. Cartas escritas às mães dos bailarinos são a primeira referência desse universo em comum e a primeira tentativa de contato para a concepção deste espetáculo. A expressão que batiza a montagem já indica essa referência: lalangue é um termo da psicanálise que determina as primeiras formas de comunicação não organizada e não estruturada entre um bebê e sua mãe. A coreografia se baseia a uma linguagem estranhamente familiar para reestabelecer conexões, encontros e afastamentos, ora pelo coletivo, ora pelo individual.

Localização
Palco do Grande Teatro CEMIG Palácio das Artes - Avenida Afonso Pena, 1.537 – Centro
Centro-Sul
Data
a
Evento contou com palestras, aulas abertas e workshops e chega ao fim com montagem que propõe um olhar para o feminino como tema central.
Entrada gratuita – Ingressos distribuídos uma hora antes de cada espetáculo (no Balcão de Informações do Palácio das Artes)
Entrada
Gratuito