Eventos /  /  Audiovisual

Série de recitais Jovem Músico BDMG

Descrição

O Jovem Músico BDMG é uma série de recitais dedicada a instrumentistas e cantores de música erudita. Para participar, os interessados devem ter até 25 anos, serem mineiros ou residirem no estado há mais de dois anos. Considerando-se que Minas Gerais é o estado com o maior número de municípios do país, é de se esperar que músicos de diversas cidades mineiras participem da programação de recitais realizada pelo BDMG Cultural. E, nesta apresentação, que acontecerá na próxima terça-feira, 3 de setembro, às 19h30, na Sala Juvenal Dias, do Palácio das Artes, esta afirmação fica confirmada. Serão oito músicos participantes vindos de cinco munícipios diferentes, inclusive, de fora do estado. Como é o caso de Bruno Jorge, professor de música pelo Cenex, da UFMG, que se apresentará ao lado de Marcos Rodrigues, com o Duo Antítese. Bruno nasceu em Penápolis, interior de São Paulo, mas, aos cinco anos se mudou para Diamantina. “O motivo da minha mudança para Minas não foi musical. Mas, a minha mudança para BH, sim. O que me influenciou foi a possibilidade de fazer uma graduação em música com um bom professor e em uma ótima universidade”, explica. No caso do violinista Mateus Belloni, foi diferente. Atualmente, ele integra o naipe de violinos da Orquestra Filarmônica de Goiás. “Sou da terra do pão do queijo e moro na terra do pequi”, se diverte. “O motivo que me fez participar do Jovem Músico BDMG foi a importância do projeto, considerado um dos mais motivacionais na música de câmara de BH”, explica. Mateus ainda afirma que os jovens que, assim como ele, estão no início de suas carreiras, necessitam de espaços para apresentar ao público a sua música. “Estou feliz em saber que vou reencontrar amigos de BH e de fazer música de câmara”, finaliza o músico que virá de Goiânia para a apresentação. 

Localização
Sala Juvenal Dias – Palácio das Artes – Avenida Afonso Pena, 1.537 - Centro
Centro-Sul
Video

 

Data
Um palco sem fronteiras: Jovem Músico BDMG recebe mineiros de BH, do interior e que residem fora do estado.
Entrada
Gratuito