Eventos /  Debate la la-ticket green  /  Educação

Workshop Arte afro-brasileira na escola: por uma Educação Antirracista

Descrição

Angela Davis, professora e filósofa estadunidense deu a nota: “numa sociedade racista, não basta não ser racista.

É preciso ser antirracista”. Segundo o Ministério da Educação (MEC), a presença de estudantes negros nas escolas cresceu nos últimos dez anos, saindo de 28,6% para 39,2%.

O avanço ainda é insuficiente e continua a revelar grandes desigualdades. Os jovens negros, de acordo com o MEC, são maioria nos índices de evasão escolar, reprovação e analfabetismo.

Soma-se a isso, o desafio do ensino da cultura e história afro-brasileira em nossas escolas, que insistem em trabalhar a temática de uma única perspectiva: a eurocêntrica.

Pensando nisso, a série Formação Criativa, do Sessão Dez4Meia, projeto do Sesc Palladium, convida professoras e professores para participar do Workshop “Arte afro-brasileira na escola: por uma Educação Antirracista”.

O encontro gratuito será no dia 23 de fevereiro, às 19h, na plataforma Teams (inscrições limitadas via Sympla).

O workshop será conduzido por Gizele Costa, gestora, produtora e programadora de espaços culturais. “Vamos, juntos, desmistificar a arte afro-brasileira nas escolas, criando metodologias e ampliando nossos repertórios sobre o tema.

Também vamos olhar para produções de importantes fotógrafos, artistas e pesquisadores negros como referências para o desenvolvimento integral dos nossos alunos, contribuindo para um ambiente escolar (presencial ou virtual) cada dia mais antirracista”, afirma Gizele.

Pré-requisitos Serão bem-vindos professores e professoras de qualquer disciplina, de todos os anos escolares, seja da rede pública ou da rede privada.

Quanto mais diversidade, melhor!

Acompanhe nossos canais de comunicação (@sesc.palladium, no Instagram, e @SescPalladium, no Facebook) e inscreva-se o quanto antes!

Conheça a Gizele Costa

Atua há nove anos no desenvolvimento de exposições, projetos educativos e publicações vinculados a instituições culturais. Atualmente, integra a equipe de programação do Sesc Palladium.

Gizele iniciou sua carreira como bolsista pesquisadora da FAPEMIG, integrando o Projeto Estruturador, do Núcleo de Dados do Centro Referencial de Pesquisas do Museu da Propaganda. Também integrou a equipe de Artes Visuais do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Belo Horizonte.

Localização
online
Data
a
Iniciativa será realizada no dia 23 de fevereiro e convida educadores a pensar abordagens cada vez mais antirracistas nas salas de aula.
Entrada
Gratuito