Eventos /  Exposição la la-ticket green  /  Artes Plásticas

Live: Yara Tupinambá no CCBB BH

Descrição

No dia 1º de abril, quinta-feira, Yara Tupynambá antecipa as comemorações do seu aniversário de 89 anos, com live transmitida, às 19h30, no Instagram do @ccbbbh.

A artista plástica e maior muralista brasileira, que continua a produzir a todo vapor, revela os bastidores da criação de suas obras relacionadas à natureza, expostas atualmente no prédio do CCBB BH (Praça da Liberdade – Belo Horizonte).

Este projeto tem o patrocínio do Banco do Brasil. A natureza é tema que inquieta Yara Tupynambá desde a infância, no interior do Norte de Minas.

Em Belo Horizonte, aos 17 anos, única mulher da turma de jovens aprendizes de Guignard, a artista recebeu os primeiros ensinamentos do mestre, retratando a paisagem de parques da capital.

No papo descontraído com o curador e diretor do instituto Yara Tupynambá, José Theobaldo Júnior, a incansável muralista vai comentar sobre as técnicas utilizadas na criação da série de murais do Parque Municipal e de seus painéis sobre as florestas de mineiras. Yara relata ainda sobre suas pesquisas, inspirações e técnicas utilizadas na hora de pintar: “sempre fui muito organizada e metódica. Quando posso mergulhar fundo eu vou.

Em vez de dois quadros sobre Jequitinhonha, faço 30”.

Ao longo de 70 anos de uma trajetória premiada, com participações em salões nacionais e mostras internacionais, e mais de 2.000 peças produzidas e espalhadas por diversos espaços de Minas e do país, é marcante a mineiridade expressa nas obras da artista. “Minas é minha pequena aldeia e é nela que encontro meu povo: nossa cultura popular e erudita, os signos e símbolos de Minas e sua geografia com as montanhas, os vales e campos rupestres.

Foi minha vivência nas reservas ecológicas da Mata do Vale do Tripuí, da Floresta do Vale do Rio Doce, dos Campos rupestres da Serra do Cipó e das montanhas do entorno – ecossistemas que se contrapõem e se completam - que me permitiu trabalhar, ao longo do tempo, sobre esta riqueza natural que cobre o chão de Minas”, conta.

Com quase 90 anos, a artista comenta sobre o segredo da longevidade: “Pela pintura, me sinto gente com capacidade de ver o mundo, ela me deixa tranquila. A pandemia não alterou em nada para mim. Fico praticamente o dia todo no ateliê, diz.

Localização
online
Informações
Data
a
Com mediação do curador José Theobaldo Júnior, a artista se encontrará com o público, ao vivo, para falar sobre sua trajetória e as obras relacionadas ao meio ambiente. A live acontecerá no Instagram do CCBB BH, dia 1º de abril, quinta-feira, 19h30, às vésperas de completar 89 anos.
Entrada
Gratuito