Eventos /  Festival la la-ticket green  /  Gastronomia

8ª Edição FICC "Festival Internacional de Cerveja e Cultura"

Descrição

O “FICC EM CASA”, versão virtual de um dos maiores eventos de entretenimento do país, está de volta e acontecerá nos dias 25, 26 e 27 de agosto de 2021.

Desta vez, o Festival terá como temática o pioneirismo da cerveja artesanal de Belo Horizonte e seu legado em construção.

BH e sua região metropolitana, hoje, são destaque nacional e internacional como um polo cervejeiro artesanal.

Roteiros de turismo que aliam “a sede com a vontade de beber” abriram as portas de diversas fábricas para os visitantes que podem conhecer a produção das cervejas, a história dos empresários, além de degustar as bebidas.

As excursões começaram de forma tímida, em 2011.

Hoje, agências de turismo enxergaram a qualidade das microcervejarias e desenvolveram roteiros exclusivos, acompanhados por guias de elevada excelência.

Por sua vez, as fábricas adaptaram suas estruturas para receber os visitantes, instalando até bares temáticos e lojas para a compra de souvenirs.

Durante a pandemia, infelizmente, esse modelo de entretenimento e turismo, que estava em constante crescente, foi fortemente atingido.

Dessa forma, a 8a edição do FICC busca construir uma linha do tempo histórica, enaltecendo o pioneirismo da cerveja artesanal mineira e seu sofisticado legado, conduzindo ao protagonismo, tal potencial turístico da cidade de Belo Horizonte – com uma população de apaixonados por cerveja e boa gastronomia, fazendo jus ao título recentemente recebido da Unesco, como Cidade Criativa da Gastronomia.

O FICC EM CASA focará em 5 eixos: Música, Mundo Cervejeiro, Gastronomia, Cultura e Responsabilidade Social.

A edição acontecerá em formato de Lives e, em paralelo, será produzido um documentário com o título “Os Belos Horizontes da Cerveja Artesanal: do pioneirismo ao seu legado.

O festival contará com o renomado músico e produtor de vídeos, Matheus Gontijo (da Insônia Filmes) no comando do documentário, e uma equipe da Play Cultural que percorrerá diversas fábricas, como Brewpus, TapHouses e bares com foco em artesanais.

Serão realizadas entrevistas com os pioneiros e até os mais jovens, como o casal Miguel e Ustane, fundadores da premiada cervejaria Wals; o alemão Hans Joachin, fundador do tradicional Stadt Jever; o austríaco Herwig Gangl, fundador e proprietário da Krug Bier; Marco Falcone, que em 2004 fundou a Falke Bier; os fundadores da Cervejaria Albanos Rodrigo Ferraz, e um dos seus diretores, Felipe Tavares, dentre outros.

O documentário será um curta-metragem e terá a duração de até 25 minutos.

O lançamento se dará na Live de encerramento da edição, que contará com a presença de um dos maiores roqueiros do país: Supla, que já esteve no festival, na histórica edição do palco 360o, realizada no Mineirão.

Para enaltecermos a cidade de Belo Horizonte, serão realizadas duas lives.

A primeira acontecerá em uma das unidades de produção da cervejaria Albanos, grande parceira do Festival e que representa uma das primeiras cervejarias artesanais de Belo Horizonte.

Com isso, pretende-se seguir o tema “do pioneirismo ao legado”.

A Live contará com a apresentação do processo e da estrutura de produção dessa unidade, que se localiza no bairro Anchieta – também contará com a síntese da essência gastronômica do bar do Albanos, além do show do extraordinário músico Daniel Lima.

A Live será transmitida no dia 25 de agosto. Já a segunda ocorrerá no complexo gastronômico que une o tradicional restaurante La Traviata, além da Hamburgueria Sava e a cervejaria Inspetor Sands, que funcionam em um mesmo Pub.

Aqui, vale destacar as 15 torneiras da Inspetor Sands, com cervejas da melhor qualidade, produzidas in loco e marcadas pelo sabor único e os preços acessíveis e justos.

“Estamos sempre em busca de novos horizontes, cruzando as fronteiras do mundo cervejeiro e explorando suas tendências.

Embarcamos todas as manhãs em uma aventura desafiadora: estimular a experimentação de novos sabores e despertar paixões inesperadas”, afirma Gabriel Motta, um dos sócios do Pub cervejeiro.

Na ocasião, será apresentada a estrutura e os mecanismos de produção dos parceiros acima citados, além da degustação das cervejas em um formato de bate-papo e, claro, com um bom show de rock, que não pode faltar no FICC.

Haverá experiências gastronômicas com o pratos e petiscos da La Traviata, com a síntese da história da família Biaggione, imigrantes italianos que contribuíram com a construção histórico- cultural da cidade, e uma apresentação musical refinadíssima com a Cash, em formato acústico, sendo a banda campeã de bilheteria, por anos, nos conceituados bares do Circuito do Rock.

A Live será transmitida no dia 26 de agosto. Para a Live de encerramento, no dia 27 de agosto, como de costume, o FICC trará um gigante do rock nacional – Supla e sua banda serão as “cerejas do bolo”!

A escolha do artista se fez por sua afinidade com o festival, tendo realizado participações históricas em edições passadas.

A abertura ficará com a banda Glasgow 9, formada por um publicitário e dois médicos cirurgiões, que encontraram no rock’n’roll uma válvula de escape para a tensão presente na rotina das salas de cirurgias dos hospitais.

Essa Live será transmitida, bem como as anteriores, no canal do evento no YouTube.

Durante todas as Lives, serão divulgados o deliverys das cervejarias parceiras, no intuito de fomentarmos e fortalecermos, financeiramente, o setor.

Localização
online
Informações
Data
a
a
a
Maior festival mineiro de cerveja, arte, música e cultura, o FICC VIII trará como tema, "Os Belos Horizontes da Cerveja Artesanal: Do pioneirismo ao seu legado".
Entrada
Gratuito
PROMOÇÃO
Play Cultural Ltda
REALIZAÇÃO
Play Cultural Ltda