Pampulha - 1947

Descritivo

Tombamento da Igreja São Francisco de Assis pelo Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (SPHAN). A situação vulnerável à qual a Igreja fora submetida, diante da negativa de consagração pela Cúria Metropolitana, fez com que o SPHAN, visando à proteção da edificação, decreta-se seu tombamento. Para o clero da época, um templo não poderia fazer parte de um conjunto no qual figuravam jogos e boates. Além disso, a arte e a arquitetura modernas eram consideradas inadequadas para edificações católicas.