Eventos /  Exibição la la-ticket green  /  Audiovisual

Cine Santa Tereza - programação janeiro 2022

Descrição

Programação Cine Santa Tereza 

Janeiro de 2022 

Toda a programação é gratuita e os ingressos para as sessões podem ser retirados pelo site diskingressos.com.br ou na bilheteria do Cinema. 

Horário das sessões: 16h30 e 19h  

Acesse a agenda de filmes clicando nos menus logo abaixo: 

Mostra À Deriva: Errâncias e Travessias no Cinema Brasileiro

 

Sobre a mostra 

Quando Rosa e Manoel, personagens do filme Deus e o Diabo na Terra do Sol, de Glauber Rocha, atravessaram o sertão baiano numa errância entre vaqueiros, beatos e cangaceiros, representaram mais que a busca por uma vida melhor e mais justa. Estavam inseridos numa representação do deslocamento territorial recorrente na arte cinematográfica: o estar à deriva. No dicionário, estar à deriva é o mesmo que sem rumo, ao acaso, ao sabor de, desgarrado. Mas também é a raiz de derivar, originar-se, emanar, surgir, brotar...E o que surge na travessia do casal sertanejo é a imagem de um país desigual, injusto no acesso à terra, ao alimento e aos bens. Indicado à Palma de Ouro em Cannes, 64, Deus e o Diabo na Terra do Sol  continua tão impactante quanto décadas atrás quando lançou o nome de Glauber Rocha como um dos mestres do cinema brasileiro.

E está muito bem acompanhado. A errância que desnuda um país cujas bases de sua fundação se firmam na expropriação, intolerância e violência, perspassa várias obras de épocas, estéticas, olhares e movimentos diferentes, porém similares em sua denúncia. Obras como O Pagador de Promessas ( Anselmo Duarte, 1962), Iracema (Jorge Bodanzky/Orlando Senna, 1975),  Serras da Desordem (Andrea Tonacci, 2006), filmes que também integram a mostra À DERIVA: ERR NCIAS  E TRAVESSIAS NO CINEMA BRASILEIRA, que o Cine Santa Tereza exibirá durante todo o mês de janeiro, de quarta à domingo, sempre às 19h.

Os deslocamentos no cinema brasileiro também encontram terreno fértil no novo cinema nordestino, repleto de personagens numa busca identitária e subjetiva que se revela num deslocar-se cujo movimento é sempre transitório e errático. Filmes como O Céu de Suely (Karim Ainouz, 2006), Viajo porque preciso, volto porque te amo ( Karim Ainouz/Marcelo Gomes, 2009), Árido Movie (Lírio Ferreira, 2005) e Cinema, Aspirinas e Urubus, 2005), Seguir em frente mesmo quando o caminho comporta mais obscuridade que clareza, não chega a ser um obstáculo, conforme vemos em Sargento Getúlio, Hermano Penna, 1983) e Terra Estrangeira (Daniela Thomas/Walter Salles, 1996).

São 10 filmes para o espectador se envolver nas ricas andanças presentes na nossa cinematografia.

Filmes em cartaz 

5/01, quarta, às 19h | Serras da Desordem  (Andrea Tonacci | Brasil | 2006 | Doc | 130  min) | Carapirú é um índio nômade que, após ter seu grupo familiar massacrado num ataque surpresa de fazendeiros, consegue escapar e viver, durante 10 anos, perambulando pelas serras do Brasil central. Capturado em novembro de 1988, a dois mil quilômetros de distância de seu ponto de partida, é levado pelo sertanista Sydney Possuelo para Brasília. Sua história ganha as páginas dos jornais, gerando polêmica entre historiadores e antropólogos em relação à sua origem e identidade. Classificação indicativa: 16 anos

6/01, quinta, às 19h | O Pagador de Promessas  (Anselmo Duarte | Brasil | 1962 | Drama | 91 min) | Depois de seu asno de estimação ter sido atingido por um raio, Zé do Burro faz a promessa de carregar nas costas uma imensa cruz de madeira até a igreja de Santa Bárbara. Porém, sua jornada acaba se tornando um pesadelo. Classificação indicativa: livre    

7/01, sexta, às 19h | Terra Estrangeira  (Daniela Thomas / Walter Salles  | Brasil | 1996 | Drama | 110  min) Anos 90. Sem perspectiva de vida num Brasil tomado pelo caos em plena era Collor, Paco decide viajar para Portugal após a morte da mãe, levando uma misteriosa encomenda. Em Lisboa, ele conhece Alex, brasileira namorada de Miguel, todos envolvidos num esquema de contrabando, que vai tornar suas vidas em um pesadelo.  Classificação indicativa: 16 anos

8/01, sábado, às 19h | O Céu de Suely  (Karim Aïnouz | Brasil | 2006 | Drama | 90 min) | Hermila é uma jovem de 21 anos que está de volta à sua cidade-natal, a pequena Iguatu, localizada no interior do Ceará. Ela volta juntamente com seu filho, Mateuzinho, e aguarda para daqui a algumas semanas a chegada de Mateus, pai da criança, que ficou em São Paulo. Porém o tempo passa e Mateus simplesmente desaparece. Querendo deixar o lugar de qualquer forma, Hermila tem uma ideia inusitada: rifar seu próprio corpo para conseguir dinheiro suficiente para iniciar nova vida. | Classificação indicativa: 16 anos 

9/01, domingo, às 19h | Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo (Karim Ainouz / Marcelo Gomes | Brasil | 2009 | Drama | 75 min) | José Renato tem 35 anos, é geólogo e foi enviado para realizar uma pesquisa pelo sertão nordestino. Sua missão é avaliar o possível percurso de um canal que será feito, desviando as águas do único rio caudaloso da região. À medida que a viagem ocorre, ele percebe que possui muitas coisas em comum com os lugares por onde passa: desde o vazio à sensação de abandono, até o isolamento - o que torna a viagem cada vez mais difícil. Classificação indicativa: 12 anos

12/01, quarta, às 19h | Árido Movie  (Lírio Ferreira | Brasil | 2005 | Drama | 100 min) | Árido Movie narra a trajetória de Jonas, que, desgarrado da família desde pequeno, é apresentador da previsão do tempo em um canal de televisão em São Paulo. O inesperado assassinato do pai obriga-o a fazer uma jornada de retorno as suas origens. Mas, Jonas desconhece o verdadeiro motivo de sua volta, solicitada pela avó, Dona Carmo, que escolhe-o para vingar a morte do pai e lavar a honra da família. 
Classificação indicativa: 16 anos
 
13/01, quinta, às 19h | Iracema – Uma Transa Amzônica (Jorge Bodanzky / Orlando Senna | Brasil | 1975 | Drama / Doc | 96 min) | Em 1974, em plena ditadura, quando o governo militar alardeava a propaganda da construção do “Brasil Grande”,  Iracema — uma transa amazônica, ficção com uma feição documental, faz um contraponto à propaganda oficial da época sobre a Amazônia, revelando as queimadas, o trabalho escravo e a prostituição infantil através da história da menina ribeirinha, que, atraída pela cidade grande e pela lábia do motorista de caminhão Tião Brasil Grande, acaba se prostituindo às margens da rodovia Transamazônica. | Classificação indicativa: 16 anos

14/01, sexta, às 19h | Cinema, Aspirinas e Urubus (Marcelo Gomes | Brasil | 2005 | Ficção | 99 min) | Em 1942, no meio do sertão nordestino, dois homens vindos de mundos diferentes se encontram. Um deles é um alemão fugido da 2ª Guerra Mundial, que dirige um caminhão e vende aspirinas pelo interior do país. O outro é um homem simples que sempre viveu no sertão e que, após ganhar uma carona de Johann, passa a trabalhar para ele como ajudante. Aos poucos, surge entre eles uma forte amizade. Classificação indicativa: 14 anos. 

15/01, sábado, às 19h | Deus e o Diabo na Terra do Sol  (Glauber Rocha | Brasil | 1964 | Ficção | 110 min) |  Manuel é um vaqueiro que se revolta contra a exploração imposta pelo coronel Moraes e acaba matando-o numa briga. Ele passa a ser perseguido por jagunços, o que faz com que fuja com sua esposa Rosa. O casal se junta aos seguidores do beato Sebastião. Simultaneamente, Antônio das Mortes, um matador de aluguel a serviço da Igreja Católica e dos latifundiários da região, extermina os seguidores do beato. Classificação indicativa: 14 anos.

16/01, domingo, às 19h | O Pagador de Promessas (Anselmo Duarte | Brasil | 1962 | Drama | 91 min) | Depois de seu asno de estimação ter sido atingido por um raio, Zé do Burro faz a promessa de carregar nas costas uma imensa cruz de madeira até a igreja de Santa Bárbara. Porém, sua jornada acaba se tornando um pesadelo. Classificação indicativa: livre 

19/01, quarta, às 19h | Sargento Getúlio (Hermano Penna | Brasil | 1983 | Drama | 85  min) | Getúlio, um rude sargento, tem a missão de levar um prisioneiro, inimigo político de seu chefe, de Paulo Afonso a Aracaju. No meio do caminho, em virtude de uma mudança no panorama político, o sargento recebe a ordem para soltar o prisioneiro, mas devido a seu temperamento avesso às mudanças, ele decide terminar a missão que lhe foi confiada, mesmo que tenha de matar para completá-la.O roteiro é baseado no livro homônimo de João Ubaldo Ribeiro. Classificação indicativa: 14 anos
 
20/01, quinta, às 19h | O Céu de Suely (Karim Aïnouz | Brasil | 2006 | Drama | 90 min) | Hermila é uma jovem de 21 anos que está de volta à sua cidade-natal, a pequena Iguatu, localizada no interior do Ceará. Ela volta juntamente com seu filho, Mateuzinho, e aguarda para daqui a algumas semanas a chegada de Mateus, pai da criança, que ficou em São Paulo. Porém o tempo passa e Mateus simplesmente desaparece. Querendo deixar o lugar de qualquer forma, Hermila tem uma ideia inusitada: rifar seu próprio corpo para conseguir dinheiro suficiente para iniciar nova vida. Classificação indicativa: 16 anos 

21/01, sexta, às 19h | Serras da Desordem  (Andrea Tonacci | Brasil | 2006 | Doc | 130  min) | Carapirú é um índio nômade que, após ter seu grupo familiar massacrado num ataque surpresa de fazendeiros, consegue escapar e viver, durante 10 anos, perambulando pelas serras do Brasil central. Capturado em novembro de 1988, a dois mil quilômetros de distância de seu ponto de partida, é levado pelo sertanista Sydney Possuelo para Brasília. Sua história ganha as páginas dos jornais, gerando polêmica entre historiadores e antropólogos em relação à sua origem e identidade. | Classificação indicativa: 16 anos

22/01, sábado, às 19h | Sargento Getúlio (Hermano Penna | Brasil | 1983 | Drama | 85  min) | Getúlio, um rude sargento, tem a missão de levar um prisioneiro, inimigo político de seu chefe, de Paulo Afonso a Aracaju. No meio do caminho, em virtude de uma mudança no panorama político, o sargento recebe a ordem para soltar o prisioneiro, mas devido a seu temperamento avesso às mudanças, ele decide terminar a missão que lhe foi confiada, mesmo que tenha de matar para completá-la.O roteiro é baseado no livro homônimo de João Ubaldo Ribeiro. Classificação indicativa: 14 anos

23/01, domingo, às 19h | Árido Movie (Lírio Ferreira | Brasil | 2005 | Drama | 100 min) | Árido Movie narra a trajetória de Jonas, que, desgarrado da família desde pequeno, é apresentador da previsão do tempo em um canal de televisão em São Paulo. O inesperado assassinato do pai obriga-o a fazer uma jornada de retorno as suas origens. Mas, Jonas desconhece o verdadeiro motivo de sua volta, solicitada pela avó, Dona Carmo, que escolhe-o para vingar a morte do pai e lavar a honra da família. 
Classificação indicativa: 16 anos

26/01, quarta, às 19h | Cinema, Aspirinas e Urubus (Marcelo Gomes | Brasil | 2005 | Ficção | 99 min)  Em 1942, no meio do sertão nordestino, dois homens vindos de mundos diferentes se encontram. Um deles é um alemão fugido da 2ª Guerra Mundial, que dirige um caminhão e vende aspirinas pelo interior do país. O outro é um homem simples que sempre viveu no sertão e que, após ganhar uma carona de Johann, passa a trabalhar para ele como ajudante. Aos poucos, surge entre eles uma forte amizade. Classificação indicativa: 14 anos. 
 
27/01, quinta, às 19h | Terra Estrangeira (Daniela Thomas / Walter Salles  | Brasil | 1996 | Drama | 110  min) | Anos 90. Sem perspectiva de vida num Brasil tomado pelo caos em plena era Collor, Paco decide viajar para Portugal após a morte da mãe, levando uma misteriosa encomenda. Em Lisboa, ele conhece Alex, brasileira namorada de Miguel, todos envolvidos num esquema de contrabando, que vai tornar suas vidas em um pesadelo. Classificação indicativa: 16 anos

28/01, sexta, às 19h | Deus e o Diabo na Terra do Sol (Glauber Rocha | Brasil | 1964 | Ficção | 110 min). | Manuel é um vaqueiro que se revolta contra a exploração imposta pelo coronel Moraes e acaba matando-o numa briga. Ele passa a ser perseguido por jagunços, o que faz com que fuja com sua esposa Rosa. O casal se junta aos seguidores do beato Sebastião. Simultaneamente, Antônio das Mortes, um matador de aluguel a serviço da Igreja Católica e dos latifundiários da região, extermina os seguidores do beato. Classificação indicativa: 14 anos.

29/01, sábado, às 19h | Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo (Karim Ainouz / Marcelo Gomes | Brasil | 2009 | Drama | 75 min)    | José Renato tem 35 anos, é geólogo e foi enviado para realizar uma pesquisa pelo sertão nordestino. Sua missão é avaliar o possível percurso de um canal que será feito, desviando as águas do único rio caudaloso da região. À medida que a viagem ocorre, ele percebe que possui muitas coisas em comum com os lugares por onde passa: desde o vazio à sensação de abandono, até o isolamento - o que torna a viagem cada vez mais difícil. Classificação indicativa: 12 anos. 

30/01, domingo, às 19h | Iracema – Uma Transa Amzônica (Jorge Bodanzky | Orlando Senna | Brasil | 1975 | Drama / Doc | 96 min) | Em 1974, em plena ditadura, quando o governo militar alardeava a propaganda da construção do “Brasil Grande”,  Iracema — uma transa amazônica, ficção com uma feição documental, faz um contraponto à propaganda oficial da época sobre a Amazônia, revelando as queimadas, o trabalho escravo e a prostituição infantil através da história da menina ribeirinha, que, atraída pela cidade grande e pela lábia do motorista de caminhão Tião Brasil Grande, acaba se prostituindo às margens da rodovia Transamazônica. 
Classificação indicativa: 16 anos

 

 

Mostra Infantil 

5 a 9/01, quarta a domingo, às 16h30 | O Grilo Feliz | (Walbercy Ribas | Brasil | 2001 | Animação | 80 min) O Grilo Feliz é um dos habitantes de um pequeno povoado da Floresta Amazônica, que se destaca dos demais por ser sensível, sabio e protetor. Além disso, ele é músico e gosta de compor novas músicas com sua companheira Estrela Linda, que é a estrela mais brilhante do céu e é o alvo de Maledeto, um lagarto ambicioso que acredita que ela seja na verdade um diamante.  Classificação indicativa: livre

12 a 16/01, quarta a domingo, às 16h30 | Turma da Mônica em Uma Aventura no Tempo (Maurício de Sousa | Brasil | 2007 | Animação | 80 min) | Franjinha está trabalhando na construção de uma máquina do tempo, que funcionará quando conseguir reunir moléculas dos 4 elementos básicos da natureza: ar, água, fogo e terra. Porém em meio aos trabalhos seu laboratório é invadido por Cebolinha e Cascão, que estão fugindo da Mônica. O coelhinho Sansão é atirado nos garotos, mas acaba batendo no aparelho. O choque faz com que os elementos sejam enviados cada um para uma época distinta. Classificação indicativa: livre

19/01 a 23/01, quarta a domingo, às 16h30 | O Grilo Feliz e os Insetos Gigantes (Walbercy Ribas | Brasil | 2009 | Animação | 82 min) | O talentoso Grilo segue criando suas músicas, para a alegria dos habitantes da floresta. Mas a descoberta de fósseis de insetos gigantes acaba envolvendo-o em uma aventura inesperada, que o obriga a encarar diversos obstáculos, entre eles um grupo de louva-a-deus perigosos comandados pela vilã Trambika. Classificação indicativa: livre

26/01 a 30/01, quarta a domingo, às 16h30 | O Garoto Cósmico (Alê Abreu | Brasil | 2007 | Animação | 76  min) | Cósmico, Luna e Maninho vivem em um mundo futurista, onde as vidas são inteiramente programadas. Uma noite eles se perdem no espaço, enquanto buscam obter mais pontos para ganhar um bônus na escola. Eles então descobrem um universo infinito, esquecido num pequeno circo, onde vivem novas experiências. Classificação indicativa: livre 

Oficina: iniciação à curadoria e à programação no cinema 

O FENDA – Festival Experimental de Artes Fílmicas –, evento dedicado ao cinema experimental que acontecerá em Belo Horizonte em maio de 2022, vai realizada a oficina gratuita de iniciação à curadoria e à programação para cinema, com o professor e curador Victor Guimarães. 

Como são escolhidos os filmes que são exibidos nos cinemas, festivais e plataformas de streaming? Qual é a diferença entre curadoria e programação? Como montar e apresentar um programa de filmes? Essas e outras questões relativas aos processos de curadoria e programação de festivais e mostras de cinema serão trabalhadas na oficina, que acontece no MIS Cine Santa Tereza entre 19 e 21 de Janeiro de 2022, das 10h às 13h.

A formação tem como público-alvo prioritário jovens estudantes ou egressos de escolas públicas da RMBH, com idade mínima de 16 anos. Ao final da oficina, 3 jovens serão selecionados para participarem de uma curadoria do festival FENDA, juntamente com o professor e curador Victor Guimarães. Esses jovens receberão uma bolsa no valor de R$600,00.

As inscrições podem ser feitas até o dia 14 de janeiro. 

Para mais informações e para fazer sua inscrição, acesse o site: 
http://bit.ly/oficinacuradoria

Acesse o arquivo com a programação completa do mês 

Data
a
Consulte dias, horários e filmes em cartaz na programação.
Entrada
Gratuito